Programação

O lado escuro das mídias digitais –  Richard Grusin

Nesta palestra, levanto dois pontos relacionados, mas independentes: um sobre a função social, política e afetiva da mediação no momento histórico presente; o outro sobre o estatuto teórico ou ontológico da mediação no pensamento ocidental. Começo por rever as críticas dos modos destrutivos e danosos pelos quais as tecnologias midiáticas digitais têm operado desde as últimas décadas do século XX e continuam a fazê-lo, absorvendo também alguns dos efeitos sociais, políticos e ambientais negativos daquilo que é geralmente compreendido como uma revolução digital e informacional.

A seguir, desafio a definição de mediação como um conceito ou categoria secundária ou terciária, como algo que entra em cena tardiamente, depois que objetos e sujeitos, humanos ou não humanos, representação e realidade, ou natureza e cultura já foram divididos e separados, e cujo papel é precisamente conectar e negociar entre actantes, categorias, e eventos que, de outro modo, não teriam maneiras de compreender e interagir uns com os outros. Tratar a mediação como ontológica em lugar de epistemológica é pensar sobre o lado escuro das mídias não apenas no seu aspecto demoníaco, mas, ainda mais interessante, como parte ou aspecto da mediação que não é, talvez, não pode ser iluminada, ou talvez, é o não-iluminável em si mesmo.

Concluo minha palestra defendendo que o lado escuro da mídia digital é sua imanência, a imediaticidade em si mesma – não a imediaticidade transparente que compõe apenas a metade da dupla lógica da remediação, mas a imediaticidade perceptiva e experiencial. Ao teorizar sobre o lado escuro da mídia digital, opero a partir do sentido de que o lugar em que nos encontramos, no início do século XXI e na história humana e não-humana mais geralmente, está imediatamente no meio, na escuridão da mediação em si mesma.

Uma resposta em “Programação

  1. Pingback: TransObjetO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s